24
Out 08

Tem coisas que acontecem sem porque.

Foi assim quando o  "conheci", suas palavras me encantaram, como nem Carlos Drummond conseguiu. E quanto mais eu lia, mas pensava "Esse cara num existe!." opiniões tão parecidas de duas pessoas que nunca tinham se visto antes.

Houveram coisas fáceis de descobrir :nome, orkut, novo blog, outras coisas com certeza difícies de entender.

E eu me preguei ao planeta Terra, porque não queria me decepcionar, idealizar muito ele seria pior, me preparei pra conhecer um cara machista, pegador, gay , o tipo de cara que só é inteligente, educado, politizado quando escreve.

Quanto mais eu lia, via e ouvia o carinha lá mas sentia que ele não era nada disso, que ele era legal, engraçado, desligado, e que éramos tão parecidos.

As vezes durante o dia eu me surpreendia pensando no carinha lá.

Medo de assumir um sentimento não permitido.

Apareceram oportunidades de conhecê-lo e eu me neguei, porque o medo de me decepcionar, ou descobrir uma paixão por um cara que tem um mundo tão diferente do meu (pra começar ele é homem e eu sou mulher rsrs..brincadeira --'). Tudo isso me assustou e me afastou dele.

Ate que chegou um dia que eu tinha que fazer isso, acabar logo com esse sentimento ou cultivá-lo. E eu tinha dúvidas sobre tudo que se pode ter quando se espera muito por alguém.

E quando eu o vi, tudo mudou. Porque o sorriso dele me transformou, dentro do coração bem fundo. Eu tive certeza que tudo daria certo. Porque com ele ali do meu lado, eu me senti com um lugar no mundo, encontrei aquela "alguma coisa que faça sentido" que todo mundo procura boa parte da vida e  depois desisti.

E eu tive certeza que o tempo cuidaria das coisas, e que não me importaria de esperar por ele.

Até que descobri que ele estava namorando..e isso me matou um pouquinho.

Até que eu descobri tambem que o amor consiste no querer bem.

E eu desejei o melhor pra ele, felicidade, amor, esperança. Tudo o que eu sei que ele merece como pessoa excepcional que ele é. E como homem digno que me pareceu.

É o amor é estranho, maravilhosamente estranho.

Tem coisas que acontecem sem porque.

Ele é isso na minha vida, fiquei durante um tempo tentando entender o porque de gostar dele, e logo dele que esta longe, que é mais velho, que enfins..tem tanta coisa que só afasta a gente. Mas entendi que tem coisas que acontecem, e ninguém pede pra que elas aconteçam. As vezes as coisas dão certo, outras errado, algumas nenhum dos dois.

Mas eu cansei desses porques, ele é meu amigo e isso me importa.

Me importa que ele seja feliz.

Me importa que eu o amo e isso não é ruim é apenas difícil de conciliar com amizade, e não impossível.

Me importa que eu não sei se esse sentimento vai embora, porque eu realmente não quero que ele vá.

Me importa que eu não sei o porque de como as coisas acontecem..

e pensando bem ..nem quero saber.

Tem coisas que todo mundo deveria aceitar sem perguntar Por que??

publicado por serenaatedemais às 00:58
Precisando de : Esperando ele..
Ouvindo: Pearl Jam - Love Reign O'er Me

comentário:
Sei bem o que esta sentindo. Sei bem, e ainda mais por quem.
Mas como vc mesma disse.
"Mas eu cansei desses porques, ele é meu amigo e isso me importa..."
No meu caso troca o amigo, por heroi, exemplo, ah sei lá!
Mas vc é a 1ª que sente o mesmo que eu e pela mesma pessoa e conseguiu traduzir em poucas palavras.
Abração da Nathy


Nathy Roncada a 16 de Novembro de 2008 às 21:55

Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
17
18

20
21
22
23
25

26
27
28
29
30
31


Frio de tão velho
Alguma coisa sobre mim
pesquisar neste blog
 
links
blogs SAPO